João Pessoa e seus principais atrativos

sexta-feira, 20 de outubro de 2006

João Pessoa é a capital e a cidade mais populosa da Paraíba. É conhecida como "Porta do Sol", pois é onde está localizada a Ponta do Seixas – ponto mais oriental das Américas. Ali o sol nasce primeiro, não somente no Brasil, mas em todas as Américas e é onde encontramos um dos cartões-postais da cidade, o Farol do Cabo Branco. Para chegar, basta seguir a Avenida Cabo Branco, no sentido sul. Junto ao farol, há um mirante do qual é possível avistar o Oceano Atlântico e as praias do litoral paraibano.

Em frente à praia do Cabo Branco, está o Hotel Ibis. Dali, até o Aeroporto Internacional Presidente Castro Pinto, são 25 km. Site: www.IbisHotel.com

Seguindo no sentido sul, após Cabo Branco, vêm a praia do Seixas, praia da Penha (nela está a Capela de Nossa Senhora da Penha, com um dos maiores acervos de objetos deixados por romeiros na Paraíba)e a praia do Sol, esta última com enormes falésias.

Fundada em 1585 com o nome de Nossa Senhora das Neves, João Pessoa é a terceira capital de estado mais antiga do Brasil e também a última a ser fundada no país no século XVI. A cidade nasceu às margens do rio Sanhairá, e aos poucos foi crescendo em direção ao mar.

João Pessoa fica a menos de duas horas do Recife (PE); a duas horas de Pipa (RN) e a três horas de Natal (RN). É a BR-101 que liga essas cidades.

Bastante arborizada e com uma orla marítima privilegiada, ainda é pouca conhecida, devido à falta de divulgação da beleza de suas praias e à falta de estrutura, tendo em vista que para algumas de suas praias mais distantes não há tranporte público e, até mesmo, passeios turísitcos.

A praia central é Tambaú, onde há um grande hotel de mesmo nome. Ali perto está o Mercado do Artesanato Paraibano, onde se pode artesanato, confecções, lembranças, cartões-postais e curiosidades. Nas imediações do hotel, há outra feirinha com preços mais baixos.

Nós nos hospedamos no Hotel Caiçara (Avenida Olinda, 235 – Tambaú). Hotel bem central, porém simples. Diária a R$ 60, com café da manhã. Contatos: 83 2106.1000 ou caicara@openline.com.br ou reservashotelcaicara@hotmail.com.

Para comer os pratos típicos (camarão preparado com molho de coco, ao alho e óleo; ensopado de caranguejo ou de ostras; lagosta, caranguejo ou goiamum; buchada –picado das vísceras e intestinos de bode; baião de dois; carne de sol com macaxeira; paçoca e manteiga da terra; arroz de leite; feijão de corda; entre outros), o restaurante Mangai, comida vendida a quilo, é uma das inúmeras opções na avenida de frente para a praia Tambaú.

A praia de Manaíra também é bem estruturada para o turismo, com hotéis, restaurantes, quiosques e uma bela praia, com muito verde.

Além da gastronomia tradicional, os grupos locais de forró (o Trio de Flauta do Nordeste é um deles) também são um dos maiores atrativos, que se apresentam em bares, restaurantes e clubes da cidade.


Centro Histórico
Antes de partir para as praias do seu litoral, vale a pena dar uma olhada no Centro Histórico da cidade, com imponentes construções barrocas – sobrados, casarios coloniais e igrejas – datadas do século XVI. Destaque para o prédio do Hotel Globo, de 1928, em frente à Praça São Pedro.

Ao lado do Palácio do Governo, situado na Praça dos Três Poderes, está o Mausoléu de João Pessoa, que foi político, advogado, magistrado e presidente do estado da Paraíba.

O Paraíba Palace Hotel, pintado num amarelo marcante, foi um dos pontos nobres da cidade. Hoje desempenha funções menos aristocráticas, mesmo assim é impossível passar pelo centro sem perceber sua arquitetura em estilo art-noveau.

Mas quem quiser caminhar pelas ruas centrais, vai gostar mesmo do Parque Solon de Lucena, uma das áreas mais bonitas. Em sua parte central há uma lagoa natural, cercada por árvores e jardins. Todo o projeto é de autoria do paisagista Burle Marx, e por ali ainda podem ser apreciados exemplares de árvores remanescentes da Mata Atlântica, assim com várias palmeiras imperiais.

O Centro Cultural São Francisco, conjunto arquitetônico barroco construído no século XVII, formado pela Igreja de São Francisco e pelo Convento de Santo Antônio, é outro ponto de destaque.

No convento, está instalado o Museu de Cultura Popular, com peças religiosas belíssimas. Os altares são revestidos de ouro, e o teto contém um painel com 40 metros de extensão, que retrata momentos da vida de São Francisco.

A Igreja de São Francisco, considerada um dos principais exemplos da arquitetura barroca portuguesa em solo brasileiro, teve sua construção iniciada em 1589 e terminada em 1788. Chegou a servir de residência a diretores holandeses, durante a invasão holandesa, período no qual teve suas obras interrompidas. Na entrada do grande Adro da Igreja de São Francisco, encontra-se um imponente monumento, o Cruzeiro de São Francisco.

Atualmente, todo o conjunto da Igreja de São Francisco encontra-se aberto à visitação, contando, inclusive, com guias capacitados para o detalhamento da história.

Read more...
Ocorreu um erro neste gadget

Visitantes (últimos 7 dias)

Visite Blog RotaCinema

  • Tom na Fazenda (Tom à la Ferme) - *País*: Canadá/França *Ano*: 2012 *Gênero*: Suspense *Duração*: 102 min *Direção*: Xavier Dolan *Elenco*: Xavier Dolan, Pierre-Yves Cardinal, Lise Roy e Eve...
    Há 19 horas

Seguidores

Quer aparecer no meu blog principal? Clique aqui e siga-me.

Registre seu e-mail: clique aqui. O blogger o avisará, de forma automática, da publicação dos meus próximos blogs de viagem.


Postagens populares

Tags

as melhores praias do brasil, as melhores praias do nordeste, a melhor praia do nordeste, dicas de viagem, blog Simone, viagem barata, viagem independente, hotel barato, Simone Rodrigues Soares.

  © Blogger template On The Road by Ourblogtemplates.com 2009

Back to TOP